Como é viver sem análise?

Escrito por André Nascimento.

fun-pretty-roller-coaster-wild-Favim.com-1567528.jpg

UM MILHÃO DE PENSAMENTOS percorrem a sua mente.

Pouco a pouco, a energia começa a fluir, o sangue começa a ferver, um pensamento se liga ao outro.

Todo esse trânsito de pensamentos te permite avaliar como está a sua vida hoje.

Todo esse trânsito de pensamentos te permitiu formular uma questão:

Como é viver sem análise?

A vida é uma montanha russa que ora você está encima, ora está embaixo. E quando você acha que está tudo bem… Você sai dos trilhos: a vida te virou do avesso. E agora?!

E sua mente é invadida por lembranças. Muitas lembranças.

Lembranças de como você vivia a 10 anos atrás.

Lembranças de como você lidava com a sua intimidade.

Lembranças de como você lidava com a perda, o medo ou a frustração.

E você constata que o tempo passou.

O tempo passou mas deixou uma série de portas abertas, enigmas que precisam ser desvendados. Alguns, você conseguiu construir as respostas com o passar do tempo. Já outros…

E por falar em tempo…

Você começar a lembrar do tempo em que precisava conversar com alguém quando se sentia triste.

Mas, às vezes, não havia ninguém por perto. E os que estavam por perto…

Como é viver sem compartilhar e dividir o peso dos ideais?

Como é viver sem poder falar, a quantidade de vezes que for necessário, sobre a morte de alguém muito querido?

Como você expressa aquilo que ainda não chegou ao nível das palavras?

Porque você faz o que faz?

O que você faz quando está angustiado e precisa fazer algo para a angústia passar?

O que você faz para a dor de perder alguém diminuir?

O que você faz para lidar com aquele buraco no peito que se abre toda vez que o seu namoro acaba?

Como você lida com o cansaço?

Como você lida com o estresse?

Como você lida com as crises de ansiedade?

O que você faz quando está prestes a explodir de tanto acumular coisas em si mesmo?

Como é viver sem análise? Não sei.

Mas, uma vida em análise é tudo isso e um pouco mais. É se lançar ao desconhecido que existe em cada um de nós. É explorar lugares inexplorados. É descobrir-se e surpreender-se consigo mesmo. É aceitar as limitações da vida, de si mesmo. E mais do que isso: é aprender a lidar e valorizar a dor e a tristeza. E usá-las a seu favor. É querer saber, diariamente, onde aquele por quê vai te levar…

 

 

Curta, siga e compartilhe o Escritos Psicanalíticos também no Facebook FBlogo300 (clique para abrir).

Conheça-me!

00eu3.jpg

Saiba mais

André Bassete do Nascimento (André Nascimento). Psicólogo. CRP 16/4290. Consultório Particular. Praia do Suá, Vitória, ES — Espírito Santo. Autor, editor e idealizador do Blog Eu Tava Aqui Pensando, Escritos Psicanalíticos e A Vida e a Psicanálise. Dúvidas, críticas, sugestões? Contate-me! (27) 999617815 (Vivo/Whatsapp). Correio Eletrônico: dreebn@yahoo.com.br

Anúncios